sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Questão 23 – CRC 02/2017 – Prova Bacharel – Contabilidade de Custos

Conforme a terminologia aplicável na Contabilidade de Custos, a aquisição de matéria prima para utilização futura e o consumo de material secundário utilizado na produção são classificados, respectivamente, como:

a) custo e custo.
b) custo e investimento.
c) investimento e custo.
d) investimento e investimento.

Gabarito: “C”

Resolução em texto elaborada pelo Prof. Thiago Chaim:

1º) O que a questão pede?
Para identificar a alternativa que apresente corretamente a terminologia utilizada nas situações apresentadas no enunciado.

2º) Qual estratégia vamos usar para resolver?
Vamos começar identificando as terminologias utilizadas na Contabilidade de custos e depois os diferentes momentos em que cada uma é utilizada.

Gasto: é o valor desembolsado pela entidade para obter um produto ou serviço.

Investimento: é um gasto efetuado em bens ou serviços que gerarão benefícios no futuro. São reconhecidos no ativo como estoque e posteriormente serão consumidos na produção de outros produtos ou vendidos.

Custo: é quando a empresa emprega os investimentos e efetua outros gastos para a produção de bens.

Despesa: são bens ou serviços consumidos direta ou indiretamente para a obtenção de receitas.

Desembolso: é o pagamento efetuado ao se adquirir um bem ou serviço.

Perda: é o bem ou serviço consumido de modo involuntário ou anormal.

Percebam que os gastos, as despesas e alguns tipos de custos, como energia elétrica da produção por exemplo, são gastos. A natureza e a destinação do gasto é que vai definir como será chamado. Por isso é importante saber distinguir muito bem a diferença entre eles.

Agora que as terminologias foram detalhadas, vamos ver um exemplo hipotético de como elas podem alterar ao longo do processo, pensando na Contabilidade de Custos.

Quando uma entidade realiza a compra de insumos para a produção de algum produto, denominamos que este momento é um Gasto. Quando esse insumo é registrado no ativo da empresa como estoque de matéria-prima, então ele passa a ser um Investimento.
No momento em que a entidade retirar esse insumo do estoque e começar a produção do bem, ele passa a ser chamado de Custo e aí são acrescidos todos os demais custos necessários para a produção daquele produto, (como por exemplo: mão-de-obra, energia elétrica, água, depreciação das máquinas e etc...). E após finalizada a produção deste bem, todos os gastos posteriores para a efetivação da sua venda, são considerados despesas (como por exemplo, frete de venda, comissão, propaganda e etc).

Analisando esse exemplo que acabei de explicar e comparando com as duas situações apresentadas pelo enunciado, verificaremos que a matéria-prima que será utilizada no futuro é um investimento e o material secundário utilizado na produção é um custo.

Alternativa “C” está correta

Resolução em vídeo elaborada pela Prof.ª Yasmin:
...em breve...

Quer aprender mais sobre Contabilidade de Custos? Temos dois excelentes conteúdos para indicar:

1) Palestra gratuita de Contabilidade de Custos para revisão, no link:

2) Curso de Contabilidade de Custos em PDF, elaborado por mim, com a Aula 00 gratuita. Baixe e experimente:

Obs: caso tenha interesse em adquirir o curso, utilize o cupom qmcrc10 para ganhar 10% de desconto.

Acesse outras questões resolvidas no link abaixo:

Participe do nosso grupo no Facebook!
Se inscreva no nosso canal no Youtube!
Compartilhe com os amigos!

Deus abençoe!
Grande abraço!
Bons estudos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário