quarta-feira, 28 de junho de 2017

Questão 48 – CRC 01/2017 – Prova de Bacharel – Perícia Contábil

De acordo com a NBC PP 01 – PERITO CONTÁBIL, a respeito de suspeição e impedimento legal, julgue os itens a seguir como Verdadeiros (V) ou Falsos (F) e, em seguida, assinale a opção CORRETA.

I. O perito do juízo ou assistente deve declarar-se suspeito quando, após nomeado ou contratado, verificar a ocorrência de situações que venham suscitar suspeição em função da sua imparcialidade ou independência e, dessa maneira, comprometer o resultado do seu trabalho em relação à decisão.
II. O perito deve declarar-se suspeito apenas nos casos previstos da NBC PP 01 – PERITO CONTÁBIL, não sendo possível declarar-se suspeito por motivo íntimo.
III. São exemplos de casos de suspeição a que está sujeito o perito do juízo: ser amigo íntimo ou inimigo capital de qualquer das partes.

A sequência CORRETA é:

a) F, F, V.
b) F, V, F.
c) V, F, V.
d) V, V, F.

Passo-a-passo da resolução em texto:

1º) O que a questão pede?
Que assinala a alternativa CORRETA, julgando os itens em relação à suspeição e impedimento legal, conforme a NBC PP 01 – PERITO CONTÁBIL.

2º) Qual estratégia vamos usar para resolver?
Assim como a questão a questão 47, essa questão 48 trata-se de uma questão bem teórica mesmo, onde teremos que analisar item por item para saber se está de acordo com a NBC PP 01 – PERITO CONTÁBIL.

Numa linguagem bem simples, a suspeição é quando há uma suspeita sobre a imparcialidade do perito, como por exemplo, quando o perito conhece uma das partes envolvidas. Vejamos o que diz a NBC PP 01:

“9. Impedimento e suspeição são situações fáticas ou circunstanciais que impossibilitam o perito de exercer, regularmente, suas funções ou realizar atividade pericial em processo judicial ou extrajudicial, inclusive arbitral. Os itens previstos nesta Norma explicitam os conflitos de interesse motivadores dos impedimentos e das suspeições a que está sujeito o perito nos termos da legislação vigente e do Código de Ética Profissional do Contador.”

“15. O perito do juízo ou assistente deve declarar-se suspeito quando, após nomeado ou contratado, verificar a ocorrência de situações que venham suscitar suspeição em função da sua imparcialidade ou independência e, dessa maneira, comprometer o resultado do seu trabalho em relação à decisão.

16. Os casos de suspeição a que está sujeito o perito do juízo são os seguintes:
(a) ser amigo íntimo de qualquer das partes;
(b) ser inimigo capital de qualquer das partes;
(c) ser devedor ou credor em mora de qualquer das partes, dos seus cônjuges, de parentes destes em linha reta ou em linha colateral até o terceiro grau ou entidades das quais esses façam parte de seu quadro societário ou de direção;
(d) ser herdeiro presuntivo ou donatário de alguma das partes ou dos seus cônjuges;
(e) ser parceiro, empregador ou empregado de alguma das partes;
(f) aconselhar, de alguma forma, parte envolvida no litígio acerca do objeto da discussão; e
(g) houver qualquer interesse no julgamento da causa em favor de alguma das partes.

17. O perito pode ainda declarar-se suspeito por motivo íntimo.”

Com isso em mente, vamos analisar os itens:

Análise do Item I: É verdadeiro! Está de acordo com o item 15 da NBC PP 01.

Análise do Item II: É falso! Pois não está de acordo com o item 17 da NBC PP 01.

Análise do Item III: É verdadeiro! Está de acordo com o item 16 da NBC PP 01.

Sendo assim, a sequência CORRETA é V, F, V.

Gabarito: “C”

Acesse e leia a NBC PP 01 – PERITO CONTÁBIL na íntegra, clicando no link:

Acesse outras questões resolvidas no link abaixo:

Deus abençoe!
Muito sucesso!
Profª Yasmin

3 comentários:

  1. Que maravilha!!!
    Muito obrigada, profª Yasmin. Que Deus lhe abençoe em dobro!

    ResponderExcluir
  2. nesse exame eu não passei. mas agradeco pelas suas respostas bem explicadas, vai ajudar muito a obter sucesso no próximo exame

    ResponderExcluir