quarta-feira, 8 de março de 2017

Questão 48 – CRC 02/2016 – Prova de Bacharel – Perícia Contábil

Em uma decisão de liquidação de sentença no valor de R$85.000,00, o Juiz determinou que o Perito Contador calculasse o valor devido com incidência de juros moratórios, calculados com juros simples, nos seguintes períodos e parâmetros:

Considerando-se o mês comercial de 30 dias, na situação apresentada, o valor total devido, acrescido dos juros moratórios, será de:

a) R$86.275,00.
b) R$98.600,00.
c) R$99.135,50.
d) R$99.662,50.

Passo-a-passo da resolução em texto:

1º) O que a questão pede?
O valor total devido, acrescido dos juros moratórios, ou seja, juros pagos devido ao atraso.

2º) Qual estratégia vamos usar para resolver?
Trata-se de outra questão de perícia, porém, com viés de conhecimento em matemática financeira.

Calcularemos os juros do primeiro período, depois os juros do segundo período e somar tudo ao final. Vamos lá então!  \o/

Juros do período 01/02/2001 até 31/03/2002
Serão considerados 14 meses já que a taxa é ao mês (0,5% a.m.), e lembrando que será tudo efetuado com fórmula de juros simples, portanto:
J = C x i x n
J = 85.000,00 x (0,005 x 14)
J = 85.000,00 x (0,07)
J = R$ 5.950,00

Juros do período 01/04/2002 até 31/12/2002
São 9 meses, com a taxa de 1% a.m. e fórmula de juros simples, portanto:
J = C x i x n
J = 85.000,00 x (0,01 x 9)
J = 85.000,00 x (0,09)
J = R$ 7.650,00

Valor Total Devido
Basta somar tudo...bem simples!
Valor total devido = PV + J1 + J2
Valor total devido = 85.000,00 + 5.950,00 + 7.650,00
Valor total devido = R$ 98.600,00

Gabarito: “B”

Acesse outras questões resolvidas no link abaixo:

Deus abençoe!
Muito sucesso!
Profª Yasmin

Nenhum comentário:

Postar um comentário